O Site do Hardware Livre - OSHW

Ondas Cerebrais

 

Nosso sistema nervoso opera a partir de impulsos elétricos. Tênues correntes elétricas circulam pelos nossos nervos quando esses transmitem impulsos para o cérebro ou do cérebro para órgãos efetores. A complexidade do cérebro, e o próprio desconhecimento de sua estrutura, nos impedem de prever exatamente que freqüências ou que tipos de sinais podemos associar a cada tipo de atividade. No entanto, as pesquisas revelam a existência de alguns ritmos bem definidos, responsáveis pelo aparecimento de correntes elétricas de intensidades e freqüências em determinadas faixas e que podem ser associados a fenômenos biológicos importantes. A seguir damos uma descrição desses ritmos com suas principais características.

 

ALFA

Esse ritmo produz impulsos de 10 a 100 uV de intensidade numa faixa de freqüências que vai de 7 a 13 Hz.  Podemos associar o ritmo alfa aos estados de tranquilidade, relaxação, ausência de peso, etc.

 

THETA

Esse ritmo gera sinais cujas intensidades estão entre 50 a 200 uV numa faixa de freqüências de 3 a 7 Hz. Podemos associar este ritmo a dúvida, resolução de problemas difíceis, preocupação com o futuro, sonho acordado, etc.

 

DELTA

Para esse ritmo temos intensidades de 10 a 50 uV numa faixa de freqüências muito baixas, entre 0,2 e 3 Hz. Esse ritmo está associado ao estado de sono profundo, transe, etc.

 

BETA

O ritmo beta tem sinais cujas intensidades estão na faixa de 10 à 50 uV e as freqüências entre 13 e 28 Hz. Podemos associar este ritmo a estado de preocupação, medo, atenção, tensão, surpresa, etc. Foram ainda detectados sinais de 0,01 a 0,1 uV numa faixa de freqüências muito altas, entre 50 MHz e 1 GHz e que são pouco conhecidos. Esses sinais, pela sua faixa de freqüências podem dar origem a ondas eletromagnéticas de maior penetração e que, com isso, podem ser detectadas a alguma distância do cérebro. A detecção dos sinais de baixas freqüências é normalmente feita por  eletrodos  fixados na cabeça do paciente. Os sinais gerados passam então pelo meio líquido que existe entre o cérebro propriamente dito e os eletrodos, gerando as correntes que são detectadas pelos aparelhos. Os eletroencefalógrafos são exemplos de aparelhos que podem ser usados no registro dos sinais de baixas freqüências. Veja mais em artigo sobre o assunto na nossa seção e Eletrônica Paranormal.

 

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

Mês de Aniversário - 10 Anos (OP195b)

Este é um mês especial para nós. Comemoramos o décimo aniversário do Instituto Newton C. Braga e de nosso site. O que se pensou inicialmente que seria um pequeno blog para dar continuidade ao meu trabalho de até então 50 anos se tornou um verdadeiro portal da eletrônica com edições em espanhol e em inglês. Na verdade, quando isso ocorreu o pensamento de alguns é que as coisas na internet estavam com os dias contados. Era uma “Febre de Momento” como ouvi dizer de alguns. Não era e fomos em frente.

Leia mais...

Vencer
Vim, vi, venci. (Veni, vidi, vici.)
Júlio César (100-44 a.C.) - Carta em que anuncia vitória em Zela - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)