O que é centelhamento

O  ar é um isolante até o ponto em que a tensão a que esteja submetido seja suficiente  para provocar sua ionização. Nestas condições, os átomos perdem seus elétrons e o ar se torna condutor. Para  que o ar se torne condutor é preciso haver uma tensão mínima aplicada a qual depende da distância entre os elementos que se manifestam e também o seu formato. Em suma, existe um valor mínimo de tensão para cada centímetro de distância no ar que provoca a ionização tornando-o então condutor. Este valor mínimo de tensão é dado pela rigidez dielétrica do ar a qual depende de sua umidade,  da pressão e da temperatura. O centelhamento é então a maneira segundo a qual a descarga através do ar se manifesta quando a rigidez dielétrica deste elemento  é vencida com a passagem de uma corrente (figura 1).

 

Figura 1 – Centelhamento de muito alta tensão.

 

Para o caso do ar, em vista de suas características físicas serem mais ou menos constantes, pode-se pela distância máxima em que ainda ocorre  um centelhamento ter uma idéia da tensão existente entre os dois pontos. Para uma pressão de 760 mm de mercúrio (1 atm) e uma temperatura de 25C, o gradiente  de rompimento do dielétrico é da ordem de 30 kV/cm o que significa que para saltar uma distância de 1 cm é preciso uma  tensão mínima de 30 000 volts, desde que a frequência da alta tensão seja suficientemente baixa para dar tempo de ocorrer a ionização do ar. É importante observar que esta grandeza varia de acordo com a umidade do ar também. Em suma, se uma faísca saltar a uma distância de 2 cm no máximo, podemos com bom grau de aproximação dizer que a sua tensão é da ordem de 60 000 volts. Na tabela abaixo temos a rigidez dielétrica de alguns materiais.

 

Opinião

Bom Natal e Feliz Ano Novo (OP129)

Neste final de ano, em que as esperanças se renovam e em que pensamos num mundo melhor para nós e para nossos filhos, parentes e amigos, desejamos a todos os que nos acompanham o que há de melhor. Que todos alcançam suas metas e que suas aspirações se tornem realidade.

Leia mais...

Ameaça
Enquanto se ameaça, descansa o ameaçado. (Mientras se amenaza, descansa el amenazado.)
Cervantes (1547 - 1616) - Persiles e Sigismunda

Instituto Newton C Braga - 2014 - Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site
+conexões

Seja mais um amigo facebook
Siga-me twitter
Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)