NOSSAS REDES SOCIAIS -

“Cloud Computing” ou “Computação na Nuvem”

“Cloud computing” ou “computação na nuvem” é um estilo computacional pelo qual as capacidades elásticas e escaláveis relacionadas com TI são oferecidas como serviços para clientes, usando tecnologias da Internet (Gartner Group, 2011). Apesar de se tratar, a princípio, de ideia bastante simples — consumir e/ou ofertar serviços de TI a partir da nuvem — há, ainda, muitos pontos de discussão quanto ao tipo de “cloud computing” e escopo dos serviços ofertados, tornando os detalhes nem sempre tão triviais.

Profissionais de TI e de negócios vêm perspectivas nessa inovação e têm opinião sobre ela; mas, ao mesmo tempo em que certos aspectos estão surgindo, estabelece-se certa confusão. Há fortes discussões sobre benefícios potenciais, problemas associados e redução de custos que possam acontecer ao se adotar “cloud computing”. O tema de redução de custos em TI é sempre recorrente, muito embora não se saiba bem ainda se “cloud computing” poderá, efetivamente, cortar custos organizacionais. O outro lado da discussão refere-se aos benefícios potenciais que poderão ser obtidos via adoção de “cloud computing”: agilidade, velocidade e inovação. Isso, no entanto, só poderá ser avaliado com a evolução do conceito.

O conceito está amadurecendo e evoluindo rapidamente, já traz impactos de longo prazo para a maior parte das indústrias. A quantidade de informações que atinge o mercado sobre “cloud computing” possibilita muitas discussões sobre o tema, torna difícil a compreensão das opções pelos compradores e da abrangência dos serviços que cobrem algumas alternativas:

.infraestrutura de sistemas (ex: processamento dos dados, armazenagem dos dados);

.infraestrutura de aplicativos (ex: servidores de processamento, bancos de dados);

.aplicativos, serviços de informação (ex: pesquisas);

.serviços associados aos negócios propriamente ditos (ex: atendimento de ordens).

 

2 - Modelos de serviços em “cloud computing”

As formas de “cloud computing” mudam a forma sobre como os negócios utilizam, gerenciam e precificam a TI, exigindo um novo conjunto de regras e relacionamentos entre TI e os negócios.

Há 3 modelos básicos de serviços oferecidos, discutidos atualmente:

 

•Nuvem pública: um ofertante de “cloud computing” oferece ambiente de serviços compartilhado, acessíveis para quaisquer compradores de serviços. A comunidade desse modelo tende a limitar o acesso a um número determinado de compradores (ex: agências governamentais). O modelo preconiza economias de escala, mas deixa dúvidas quanto a segurança, privacidade e controles para uso estratégico dessa inovação.

 

• Nuvem Privada: uma organização detém exclusividade do uso de uma nuvem isolada, seja através da instalação de sua própria nuvem ou do uso de ambiente virtual privado de um ofertante de “cloud computing”. Ambos enfoques reduzem a elasticidade e economias de custos em relação à rede pública, mas alimentam algumas dúvidas quanto à segurança.

 

• Nuvem híbrida: faz a coordenação entre serviços externos em uma nuvem e recursos internos da organização (seja nuvem privada ou infraestrutura tradicional) para definir uma solução adequada para o negócio. Nesse modelo é possível utilizar o enfoque de aumentar a capacidade dinamicamente de uma nuvem privada associando-a com uma nuvem pública. Modelo de nuvens híbridas precisam de planejamento cuidadoso.

 


3 - A organização está pronta para “cloud computing”?

Organizações devem planejar iniciativas em “cloud computing”, que é hoje importante e dinâmica área de inovação, usando os princípios abaixo discriminados:

• Entender o que é “cloud computing”, e os conceitos associados com o tema. Deve acompanhar a evolução do conceito, conhecendo e discutindo profundamente as condições de utilização da inovação e que permitirão adicionar valor aos negócios;

• Identificar cenários nos quais “cloud computing” provavelmente deverá afetar a TI e a própria organização. Necessário se faz avaliar modelos, arquiteturas, tecnologias e as melhores práticas a serem adotadas para que as organizações desenvolvam atividades criando ambientes computacionais nas nuvens;

• Determinar como se obtém valor ao migrar aplicativos para as nuvens e conhecer as oportunidades para a criação de novos aplicativos, otimizados pelo uso de “cloud computing”;

• Analise sobre como ”cloud computing” irá afetar a estratégia de TI e dos negócios — incluindo a oferta de serviços, na nuvem, para clientes e parceiros;

• Identificar tecnologias atuais e futuras, aplicáveis a “cloud computing”, explorando as ofertas dos mais importantes fornecedores dessas tecnologias.



4 - Alguns Ofertantes de Tecnologia

Há muitos ofertantes de serviços em “cloud computing”. Entre eles pode-se citar:

 

• Amazon — as ofertas incluem serviços de sistema de infraestrutura na nuvem, Elastic Compute Cloud (EC2) e o Simple Storage Service (S3).

 

• Salesforce.com — as ofertas incluem serviços para aplicativos CRM e serviços de infraestrutura para aplicativos Force.com e Heroku.

 

• Google — as ofertas incluem o Google App Engine e o Google Apps.

 

• Microsoft — as ofertas incluem a infraestrutura de aplicativos Azure, Office 365 e Windows Server Hyper-V (uma nuvem privada).

 

• VMware — as ofertas incluem um agrupamento de produtos denominados de VCloud, voltado para nuvens privadas e serviços de infraestrutura para aplicativos chamado de Cloud Foundry.

 

5 – Conclusão

Organismos de pesquisa vêm a maior parte dos conceitos e tecnologias de “cloud computing” devem demorar mais alguns anos para a adoção. Há discussões sobre conceitos: aPaas – application platform as a service, virtualização, elasticidade e nuvem privada e seus impactos mercadológicos. O amadurecimento e consolidação dos conceitos é que evidenciarão os a evolução dos mercados para “cloud computing”.

 

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

Novembro chegando (OP197)

Novembro é o mês de encerramento das aulas e com isso, diferentemente do que muitos pensam, as atividades estudantis não terminam. Alguns curtirão suas férias, mas outros ficam para exames e mais ainda, precisam terminar seus TCCs.

Leia mais...

Velhice e Mocidade
Estuda-se mais na velhice para bem morrer do que se estudou na mocidade para bem viver.
Marquês de Maricá (1773 - 1848) - Máximas - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)