NOSSAS REDES SOCIAIS -

TDA8932B/33B - Amplificadores Classe D (COM045)

Com a passagem da maioria dos projetos de áudio de alta potência para a tecnologia Classe-D, crescem as opções para os projetistas. Assim, a NXP, tem em sua linha de componentes os circuitos integrados TDA8932B e TDA8933B que consistem em amplificadores de 30 e 20 W por canal, estéreo com alimentação na faixa de 10 V a 36 V. Nesse artigo, baseados no Application Note AN10436 descrevemos uma aplicação desses componentes.

Os amplificadores Classe-D ou comutados (Switched Mode Amplifier - SMA) consistem na solução mais adotada nos equipamentos de áudio de potência atual, tanto pelas suas qualidades de reprodução como pelo seu rendimento.

Os circuitos integrados TDA8932B e TDA8933B, da NXP (www.nxp.com) consistem em amplificadores de classe, compatíveis pino a pino, podendo ser usados em versões estéreo (dois canais separados) ou mono (BTL - montagem em ponte).

O TDA8932B é para uma potência máxima de 30W enquanto que o TDA8933B é para 20 W.

Os dois em conjunto, dependendo da tensão de alimentação, podem ser usados em sistemas de 5 a 50 W. Os componentes são disponíveis em invólucros SO32 e HTSSOP32. O diagrama de blocos desses amplificadores é mostrado na abaixo.

 

Diagrama de blocos do TDA8932B
Diagrama de blocos do TDA8932B

 

Dentre as aplicações possíveis para estes amplificadores destacamos:

* televisores de tela plana

* Monitores de tela plana

* Sistemas de multimídia

* Alto-falantes sem fio (caixas amplificadas)

* Micro-sistemas

 

Existem algumas características destes componentes que os distinguem dos demais. Elas são:

* A eficiência é elevada graças ao emprego de transistores com baixa Rds(on).

* Capacidade de operar numa ampla faixa de tensões, de 5+5 V a 18 + 18 V (simétrica)

* Potências; TDA8932B - 2 x 30 W em 4 ? e TDA3933B de 2 x 20 W em 8 ?. Nos dois casos não há necessidade de dissipador de calor.

* Limitação de corrente ciclo a ciclo de modo a evitar interrupção no funcionamento normal.

* Lógica interna para se evitar estalos no liga e desliga

* Baixa corrente de standby no modo SLEEP, para maior economia de energia.

 

Além disso, os circuitos integrados indicados possuem diversos tipos de proteção como:

* Proteção Window (WP)

* Proteção contra subtensão (UVP)

* Proteção contra sobretensão (OVP)

* Proteção contra desbalanceamento (UBP)

* Proteção contra sobre-corrente (OCP)

* Proteção contra sobre-temperatura (OTP)

* Proteção ESD

 

Existem duas configurações possíveis para esses amplificadores. Configuração estéreo convencional, com dois canais separados, cada qual alimentado seu sistema de alto-falantes e configuração em ponte (BTL) em que os dois amplificadores alimentam um mesmo sistema de alto-falante em oposição de fase de modo a se obter a quadruplicação da potência com um sinal mono. Isso nos leva a quatro circuitos possíveis.

 

Circuito Estéreo com Fonte Assimétrica

O primeiro circuito utiliza fonte assimétrica na configuração estéreo, sendo mostrado na figura 2.

 

O controle mute permite cortar o sinal de áudio enquanto que no controle sleep temos uma condição de baixo consumo.
O controle mute permite cortar o sinal de áudio enquanto que no controle sleep temos uma condição de baixo consumo.

 

Neste circuito, os capacitores devem ser cerâmicos de boa qualidade para os de menor valor e os eletrolíticos têm suas tensões mínimas de trabalho especificadas no próprio diagrama. Vpa é a tensão de polarização sendo fornecida por um circuito externo, conforme indicado no diagrama. Esse circuito é necessário ára se obter metade da tensão de alimentação, pois a fonte é assimétrica. Os componentes Cosc e Rosc determinam a freqüência do oscilador PWM interno. Observe que as entradas dos dois canais são diferenciais, já que o circuito opera com assimétrica.

 

Circuito Estéreo com Fonte Simétrica

O segundo circuito, válido para os dois componentes, utiliza fonte simétrica e alimenta dois sistemas de alto-falantes a partir de uma fonte de sinais estéreo. Este circuito é mostrado na figura 3.

 

Estéreo com fonte simétrica.
Estéreo com fonte simétrica.

 

Observe o desenho da fonte. O transformador usado vai determinar a tensão de alimentação e com isso a potência do amplificador.

Com a utilização de fonte simétrica, os capacitores eletrolíticos de valores elevados se tornam desnecessários e o circuito precisa apenas de capacitores de baixos valores que, no entanto, precisam ser de boa qualidade. Observe que a fonte simétrica tem dois ramos, sendo um deles destinado ao fornecimento da tensão de polarização. Os únicos capacitores eletrolíticos usados nesta configuração estão justamente na fonte de alimentação.

 

Versão BTL com Fonte Simples

Na figura 4 temos a versão em ponte que permite quadruplicar a potência, já que a inversão de fase dobra a tensão aplicada ao sistema de alto-falantes e a potência é proporcional ao quadrado desta grandeza.

Na versão com fonte simples também temos um circuito de polarização apropriado. Veja que os dois canais de entrada são ligados em paralelo mas com polaridade oposta para fornecer a necessária inversão de fase que caracteriza este tipo de configuração. No projeto é muito importante observar este fato para que o circuito funcione apropriadamente. Os dois capacitores de bootstrap em paralelo com o alto falante são ligados a um terra comum. Sua finalidade é manter a impedância de saída constante ao longo da faixa de resposta do circuito, já que os alto-falantes, como cargas indutivas têm um efeito de aumentar a impedância com a elevação das freqüências que devem ser reproduzidas.

 

BTL com fonte simples.
BTL com fonte simples.

 

Circuito BTL com Fonte Simétrica

Temos finalmente a configuração para um amplificador em ponte (BTL) usando uma fonte simétrica. Esse circuito é mostrado na figura 5. Esta configuração é especialmente recomendada quando se deseja potências elevadas e a fonte de alimentação disponível tem tensão muito baixa.

Para a versão com fonte simétrica do amplificador BTL devemos considerar que as tensões são positivas e negativas em relação a um terra comum. A configuração da fonte é dada junto com o diagrama, observando-se que temos além das tensões principais, as tensões de polarização. Veja que neste caso também, os dois únicos capacitores eletrolíticos aparecem justamente na fonte. Suas tensões mínimas de trabalho são dadas no próprio diagrama.

 

BTL com fonte simétrica.
BTL com fonte simétrica.

 

Na figura 6 mostramos o desempenho desses componentes com a curva de potência em função da tensão de alimentação, para uma distorção de 0,5%, na configuração mono. Para as mesmas características na configuração BTL temos as curvas mostradas na figura 7.

 

Desempenho do componente.
Desempenho do componente.

 

Desempenho na configuração BTL.
Desempenho na configuração BTL.

 

Por estas curvas podemos perceber que as maiores potências são obtidas com as menores impedâncias de carga e que a distorção harmônica mais ruído é maior quando trabalhamos com potências mais elevadas. Assim, uma limitação de potência pode ser interessante nos casos em que a qualidade é maior. Um outro ponto que chama a atenção é que a partir de certa tensão de alimentação, dependendo da impedância a potência se mantém constante. Essa é uma característica que visa a proteção do circuito.

Lembramos ainda que neste tipo de projeto o layout da placa é de extrema importância para se manter as características do circuito, pois estamos trabalhando com circuitos que reúnem tanto sinais de áudio de baixa intensidade que são sujeitos a ruídos como circuitos de comutação rápida que geram ruídos.

A impedância de entrada dos amplificadores é da ordem de 100 k ?. A documentação completa no formato PDF, inclusive com o desenho da placa de circuito impresso pode ser baixada digitando-se no search (inclusive do Google) AN10436.

 

Mais informações sobre disponibiidade deste componente, clique aqui

 

Mais informaçõe no Datasheet do TDA8932B

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

Novembro chegando (OP197)

Novembro é o mês de encerramento das aulas e com isso, diferentemente do que muitos pensam, as atividades estudantis não terminam. Alguns curtirão suas férias, mas outros ficam para exames e mais ainda, precisam terminar seus TCCs.

Leia mais...

Morte
Quando se morre, é por muito tempo. (Quando n est mort, cest pour long temps.)
Marc-Antoine Désaugiers (1772- 1827) Cançes - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)