Texto extraído do site INCB - www.newtoncbraga.com.br

Hidrogênio – Alternativa para carros elétricos (NOT448)

Uma alternativa importante para se obter um combustível verde que substitua o petróleo é o hidrogênio. Assim, as notícias de veículos que usam esse combustível, tanto queimando-o diretamente como numa célula a combustível tem se multiplicado nos últimos meses e devem aumentar daqui para frente.

Quando se falou inicialmente em se utilizar o hidrogênio como combustível e ideia era injetar esse gás num motor convencional de combustão interna para que a combinação ar + hidrogênio gerasse a força necessária por expansão ao se queimar, exatamente como nos motores a gasolina, etanol e gás. No entanto, a ideia é outra.

O importante era que a combustão do hidrogênio produz água que é totalmente limpa para o meio ambiente, diferentemente dos outros combustíveis que geram gás carbônico e outros gases nocivos.

Mas, o que se pensa agora é usar o hidrogênio para produzir eletricidade e essa eletricidade alimentar motores elétricos. Para essa finalidade, o sistema constaria de um reservatório de hidrogênio que seria aplicado a uma célula a combustível que é um dispositivo que converte a energia liberada na reação do hidrogênio com o oxigênio em eletricidade, a qual seria usada para alimentar um motor elétrico.

O resultado é ótimo para o meio ambiente: vapor de água. No entanto, existe um pequeno obstáculo nisso tudo. A produção do hidrogênio é um processo caro e em alguns casos não é amigável ao meio ambiente, dependendo da fonte.

Se o processo de obtenção do hidrogênio for aperfeiçoado, por exemplo, usando fontes eólicas em sistema de eletrólise da água, poderemos até armazenar energia na forma de hidrogênio disponível para células a combustível.

A notícia que nos chamou a atenção foi do Ineos, um veículo elétrico alimentado por hidrogênio. (foto)

 

Foto: Grenadier – Ineos https://media.ineosgrenadier.com/project-update-press-release/?lang=en
Foto: Grenadier – Ineos https://media.ineosgrenadier.com/project-update-press-release/?lang=en  | Clique na imagem para ampliar |

 

Veja Mais: Células a combustível - boa alternativa energética (ART754)