MAX9773 - Amplificador Classe D (ART687)

O que mais se espera de um equipamento alimentado por bateria é que ele tenha um baixo consumo. Isso significa um alto rendimento de seu circuito. Os amplificadores de áudio, que até há algumas gerações não atendiam a essas exigências, se mantendo nas velhas configurações lineares foram os primeiros a serem modificados. Hoje, em qualquer equipamento portátil, não se admite outra configuração para a saída de áudio de potência que não seja a classe D. Veja nesse artigo, um desses componentes, o MAX9773, um amplificador Classe D de 1,8 W, especialmente indicado para aplicações portáteis. Este artigo foi atualizado e revissado em 2012, com algumas pequenas alterações já que se trata de tecnologia em uso constante em nossos tempos.

Os amplificadores lineares antigos, classe A, B ou AB se caracterizam por apresentar um rendimento baixo, convertendo muito pouco da energia dispendida em som. Esse tipo de comportamento é inadmissível nas aplicações modernas onda a autonomia de uma bateria é fator fundamental do projeto.

Para as configurações modernas a exigência é o amplificador classe D que, trabalhando com pulsos (PWM), apresenta um rendimento que se aproxima dos 100%, ideal para as aplicações que precisam estender ao máximo a autonomia de uma bateria.

A Maxim (www.maxim-ic.com) apresenta em sua linha de produtos diversos amplificadores classe D especificamente projetados para aplicações portáteis como Celulares, Fones Multimídia, Notebooks, jogos portáteis, MP3 players e outros.

Dentre eles destacamos o MAX9773 que consiste num amplificador de 1,8 W, que não necessita de filtros, possui baixo nível de EMI e pode ser alimentado com tensões de 2,5 a 5,5 V.

Esse componente tem o diagrama de blocos mostrado na figura 1, sendo fornecido em invólucro de 20 ou 24 pinos.

 

Figura 1
Figura 1

 

Dentre as características apregoadas pela Maxim está o rendimento da classe D na qualidade de som de um amplificador classe AB.

A potência de saída é de 1,8 W por canal em carga de 4 ?.

O MAX9973 oferece dois esquemas de modulação. Por freqüência fixa (FFM) e um modo em espectro espalhado (SSM) que reduzir as emissões de EMIT.

Além disso, ele pode ser sincronizado externamente por um clock externo.

Dentre as características que merecem destaque temos:

* Único a apresentar modulação em espectro espalhado para menor emissão de EMI.

* Operação com fonte simples de 2,5 a 5,5 V

* THD+N de 1% com 5 V, 4 ?

* Não precisa de filtro LC de saída

* 86% de eficiência com carga de 8 ? e saída de 600 mW

* PSRR de 80 dB

* Entradas totalmente diferenciais

* Shutdown mode de 0,1 uA

* Proteção contra curto-circuito e sobrecarga térmica

 

Na figura 2 temos um circuito típico de aplicação para entrada simples (single-ended).

 

Figura 2
Figura 2

 

A figura 3 mostra um circuito de uma configuração de 2 + 1 canais usando dois amplificadores Classe D.

 

Figura 3
Figura 3

 

Finalmente, na figura 4 temos um diagrama para um sistema de som completo usando esse componente.

 

Figura 4
Figura 4

 

Observe que a alimentação do circuito é feita com uma bateria de apenas 4,2 V. Mais artigos sobre amplificadores Classe D podem saer encontrados no site.

 

Datasheet do MAX9773


Opinião

O que vem pela frente (OP210)

Uma das características do Instituto Newton C. Braga é a manutenção do ritmo de suas realizações, independentemente do que se passa no nosso mundo. Não foi a pandemia, nem crises de qualquer tipo que alteraram nosso ritmo de trabalho.

Leia mais...

Localizador de Datasheets e Componentes


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Podcast INCB Tecnologia