Freio Para Motor de Corrente Contínua (IP990)

Quando um motor de corrente contínua é desenergizado ele passa a rodar livremente só parando depois de algum tempo devido ao atrito das partes que ele movimenta.

Uma maneira de se agregar um freio a um motor é colocando em curto a bobina no momento em que ele é desligado.

O que ocorre é que ao girar o motor se comporta como um dínamo, aparecendo uma tensão entre seus terminais.

Se a bobina for curto-circuitada, a carga que ela representa fará com que o movimento encontre forte oposição, ocorrendo a frenagem.

Na figura temos um circuito é que um transistor comuta um relé que coloca em curto a bobina para se obter a frenagem.

Deve-se ter um circuito lógico que só libere a frenagem quando o motor estiver completamente desenergizado, para que não ocorra um curto no seu circuito de controle.

 


 

 

A contra força eletromotriz CFEM gerada quando o motor gira em aberto é usada para sua frenagem.

 


Flor
A flor não nasceu para decorar uma casa, embora o morador pense o contrário.
Carlos Drummond de Andrade O Avesso das Coisas - Ver mais frases

Instituto Newton C Braga - 2014 - Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site
Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)