Tipos de Antenas (ALM280)

1. Antenas para Baixas Freqüências (ondas longas e médias)

Em geral, os receptores de ondas médias apresentam sensibilidade para a captação das estações locais sem a necessidade de antenas externas, já que as emissões desta faixa destinam-se à áreas restritas.

Nos casos em que as estações sejam fracas, e que sua captação deva ser feita em distâncias maiores, superiores a 50 km, será conveniente usar uma antena externa. O tipo de antena dependerá da sensibilidade do receptor.

Em alguns casos um simples fio esticado isolado de 4 a 10 metros de comprimento serve como antena enquanto que nos casos em que se necessita de maior sensibilidade, uma antena externa deve ser instalada.

Na figura 1 damos uma sugestão de antena externa cujo comprimento pode ficar entre 5 e 40 metros, ideal para recepção de ondas médias em zonas rurais, afastadas das estações a mais de 50 km. Durante à noite, estações muito distantes poderão ser captadas.

 


 

 

 

2. Antenas para Ondas Curtas

Para a recepção de ondas curtas é sempre conveniente utiliza uma boa antena externa, se bem que antenas telescópias possam ajudar na recepção das estações mais potentes.

Se a antena estiver dimensionada para a faixa que desejamos receber ou transmitir, será muito melhor. Como a faixa de ondascurtas que vai dos 1,6 MHz aos 30 MHz corresponde a uma variação muito grande de comprimentos de onda, é muito difícil obter uma única antena externa que possibilite receber bem todas as estações.

Para o caso da recepção doméstica, se o leitor possui um rádio comum para essa faixa e mora longe dos grandes centros (zona rural), temos na figura 2 uma antena simples.

 


 

 

 

3. Antenas de TV e FM

As freqüências mais altas dos sinais de TV e FM (VHF) exigem o uso de antenas apropriadas, cujos elementos são varetas que possuem comprimentos e separação em relação direta com os comprimentos de onda que devem ser recebidos. Assim, as antenas de TV e FM se caracterizam por usar varetas de comprimentos muito menores que os fios usados nas antenas de rádio, de ondas médias e ondas curtas.

Uma antena simples de TV e FM em que dois pedaços de fios extendidos formam um dipolo, é indicada para a recepção locais de TV e FM, sendo mostrada na figura 3.

 


 

 

Para sinais fracos, em regiões afastadas ou com problemas de recepção, devem ser usadas antenas de vários elementos, que devem ser cuidadosamente instaladas tendo em vista a direção de onde vêm os sinais e também a existência de obstáculos. Para recepção em distâncias muito grandes, elas devem ser instaladas em mastros elevados.

 

4. Antenas Para Micro-ondas

Os comprimentos de onda da ordem de centímetros ou milímetros das microondas exige o emprego de antenas com elementos muito pequenos. Encontramos essas antenas em links de computadores, radares e outras aplicações.

Normalmente são usadas guias de onda que nada mais são do que "canalizações" que permitem dirigir as ondas para um elemento sensível ou a antena propriamente dita, ou ainda do elemento que irradia (antena) para o ambiente externo. Na figura 4 temos exemplos de antenas de microondas.

 


 

 

 

5. Antenas Parabólicas

As chamadas antenas parabólicas nada mais são do que antenas de microondas. Diferentemente do eu muitos pensam, a parábola de metal ou outro material condutor não é a antena, mas sim um refletor que dirige as ondas captadas, concentrando-as na antena propriamente dita, conforme mostra a figura 5.

 


 

 

Assim, essa antena recebe o nome por possuir um refletor parabólico para a concentração ou direcionamento dos sinais quando ela é usada num transmissor.

 

 

Ver Também

* Comprimento de onda

* Antena Receptora

* Polarização de uma antena

* Dipolo

* Parabólica

* Yagi

* Espectro

 

 


Opinião

Novos tempos (OP213)

O mundo mudou. Depois da pandemia e também da guerra na Ucrânia o mundo será outro. Estamos presenciando e percebendo isso. Já não somos mais os mesmos.

Leia mais...

Localizador de Datasheets e Componentes


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Podcast INCB Tecnologia