Primeiro Trem Movido a Célula à Combustível de Hidrogênio (NOT413)

Desde os primeiros desenvolvimentos de células a combustível, cuja tecnologia foi explorada em diversos de nossos artigos, o tipo que faz uso do hidrogênio tem sido o mais promissor para as aplicações práticas.

Conforme sabemos, a combinação do hidrogênio com a água numa reação de combustão libera calor, mas também, através de arranjos apropriados podemos obter eletricidade.

São as chamadas células a combustível ou fuel-cells que podem gerar grandes quantidades de eletricidades de modo simples e eficiente. As células que usam hidrogênio como combustível já tem sido usadas em naves espaciais com êxito e agora temos o primeiro trem totalmente alimentado por uma dessas células entrando em funcionamento na Alemanha.

O trem entrou em funcionamento na Baixa Saxônia e tem a principal característica do sistema usado: emissão zero de poluentes. Lembramos que a combustão do hidrogênio gera água que é expelida na forma de vapor, certamente a menos poluente de todas as emissões possíveis.

O trem foi o primeiro de um contrato de 81 milhões de euros para o desenvolvimento de 16 trens movidos a hidrogênio. A primeira unidade pode levar até 300 passageiros (140 assentios) a uma velocidade de 140 km/h A primeira linha cobre uma distância de 100 km.

O sistema tem uma estação de recarga formada por cilindros de aço 12 m contendo hidrogênio capazes de fornecer gás para uma autonomia de 1000 km

 


 

 

 

 Imagens Alstom
Imagens Alstom

 

 


Localizador de Datasheets


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Opinião

Mudanças realizadas (OP206)

Nas últimas semanas nosso site e mesmo nossa empresa passaram por diversas modificações, atualizações e lançamentos. Assim, muitos podem ter percebidos alguns problemas de instabilidade do site em certos momentos nas semanas passadas.

Leia mais...