Técnicas especiais de amostragem e retenção (INS196)

Circuitos de amostragem e retenção (Sample and Hold) são usados em aquisição de dados no interfaceamento de dispositivos sensores com PCs, e em outras aplicações importantes que envolvam o armazenamento de informações na forma analógica por um curto intervalo de tempo. Neste artigo, adaptado do Linear Application Handbook da National Semiconductor abordamos algumas soluções interessantes, com circuitos práticos, para o problema da amostragem e retenção.(1997)

Existem aplicações em que as características de componentes convencionais usados na amostragem e retenção não são suficientes para atender as condições de funcionamento. É o caso de circuitos em que se necessita de um tempo de manutenção maior, transferência rápida de dados, etc.

Os circuitos que apresentamos a seguir possuem características que podem ser muito interessantes para o projetista.

 

TEMPO DE RETENÇÃO ESTENDIDO

O circuito apresentado na figura 1 possui um tempo de retenção ampliado o que é conseguido pelo "empilhamento" de dois circuitos de amostragem e retenção numa espécie de cadeia.

 

 

O tempo rápido de aquisição por um circuito "feed forward". Quando um comando de amostragem é aplicado ao circuito, A1 lê o sinal rapidamente já que o valor do capacitor de 0,00 µF deste circuito é muito pequeno e portanto sua carga não demora. O comando de amostragem também é usado para disparar o DM74C221 (one-shot) que comuta a chave FET S1.

Neste momento a saída é ligada imediatamente ao buffer de saída A3. Durante este intervalo de tempo a saída do monoestável (one-shot) estará no nível alto, e A2 adquire o valor da saída de A1. Quando a saída do monoestável cai, S1 abre, desligando a saída de A1 da entrada de A3 e a saída do circuito não muda em relação ao valor amostrado.

Este circuito pode amostrar uma tensão de 10V em 10 us com 0,01% e tem uma taxa de perda de amostragem de 30 uV/segundo.

 

AMOSTRAGEM E RETENÇÃO INFINITA

Na figura 2 temos um circuito que estende o tempo de retenção ao infinito, com um tempo de amostragem de 10 us.

 

 

Uma vez que o sinal seja amostrado, não ocorre qualquer variação na tensão de saída, qualquer que seja o intervalo de tempo considerado.

Neste circuito o comando de amostragem é também usado para disparar dois monoestáveis DM74123. O primeiro monoestável é usado para polarizar a chave com FET, mantendo-a desligada (OFF) quando no nível baixo. O segundo monoestável envia um pulso ao conversor analógico/digital ADC0801 que faz então a conversão da saída de A4 para a forma digital. O DAC1020, em combinação com A2 e A3 converte a saída do conversor A/D de volta a forma analógica (tensão). O processo todo de conversão A/D/A leva apenas 100 us. Quando o tempo do monoestável termina, sua saída vai ao nível alto, fechando a chave com FET.

Esta ação conecta efetivamente a saída de A3 à entrada de A5 enquanto que a saída de A4 é desconectada. Desta forma, a saída do circuito vai permanecer no nível DC que originalmente determinou a amostragem feita por A4.

Como valor obtido na amostragem tem uma retenção na forma digital, nenhum erro por queda gradual da tensão em capacitores é introduzido. A precisão dos resistores é que vão determinar a precisão do circuito.

Com os valores indicados o circuito pode trabalhar com tensões de entrada na faixa de -10 a +10 V

 

AMOSTRAGEM E RETENÇÃO DE ALTA VELOCIDADE

Um outro tipo de circuito de amostragem e retenção exigido em muitas aplicações práticas é o de alta velocidade. Se bem que circuitos convencionais de amostragem e retenção possam ser elaborados para tempos muito curtos de aquisição, eles são complexos e caros. na figura 3 temos então a solução dada pela National para este tipo de circuito, quando o sinal amostrado é repetitivo.

 

 

Neste circuito um comparador de tensão muito rápido e um "latch" ou trava digital são colocados antes de um integrador diferencial.

Um elo de realimentação é usado de modo a fechar o circuito entre estes elementos. cada vez que um impulso de entrada é aplicado, o latch DM7475 abre por 100 ns. Se a tensão de erro no Lm361 for positiva A1 vai aplicar corrente neste ponto. Se a tensão de erro for negativa, ocorre o inverso. Depois de um certo número de pulsos de entrada, A1 estará num nível DC que será equivalente ao valor amostrado na janela de 100 ns. Note que o intervalo de tempo do monoestável A é variável, permitindo que o pulso de amostragem do monoestável B seja colocado no ponto exato que se deseja da forma de onda do sinal de entrada.

 

AMOSTRAGEM E RETENÇÃO EM PASSO REDUZIDO

Uma outra área de interesse onde técnicas especiais podem significar melhoramentos no desempenho de um circuito é a minimização do passo de retenção.

Quando chaves padronizadas de amostragem e retenção são usadas, um pico de grande intensidade pode ocorrer. Isto é denominado passo de manutenção e normalmente é devido a capacitâncias internas das chaves com FETs usados nos circuitos.

Na figura 4 temos um circuito que reduz enormemente este efeito, usando uma variação pouco comum do processo de amostragem e retenção.

 

 

Neste circuito a amostragem tem início quando o comando de amostragem e retenção vai ao nível baixo. Esta ação arma o flip-flop DM7474. Ao mesmo tempo, a saída de C1 leva o emissor de Q3 a um potencial de -12V . Quando o pulso de amostragem retorna ao nível alto, a saída de C1 vai ao nível alto e o capacitor de 0,003 µF é linearmente carregado pela fonte de corrente constante com base em Q1.

A rampa obtida no processo é seguida por A1 que acompanha C2. Quando o valor atingido pela rampa se torna igual a tensão de entrada do circuito, a saída de C2 vai ao nível alto, fazendo com que o flip-flop comute passando sua saída ao nível alto. Isto faz com que Q2 comute, cortando a fonte de corrente constante formada por Q1. O resultado final é parada da subida da tensão de rampa que então permanece no mesmo potencial da tensão de entrada.

 

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

Novembro chegando (OP197)

Novembro é o mês de encerramento das aulas e com isso, diferentemente do que muitos pensam, as atividades estudantis não terminam. Alguns curtirão suas férias, mas outros ficam para exames e mais ainda, precisam terminar seus TCCs.

Leia mais...

Silêncio
O silêncio dos povos é a lição dos reis. (Le silence dês peuples est le leçon dês róis.)
Mirabeau (1749 - 1791) - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)