Alerta de Ré (ART1989)

Um bip sonoro agregado à luz de ré serve de advertência a pessoas que estejam perto de um veículo, evitando assim acidentes: é o chamado alerta de ré. Ele consiste num oscilador que produz um tom intermitente quando a marcha-a-ré é colocada. Este recurso ajuda a evitar acidentes, pois avisa as pessoas nas proximidades do carro, principalmente as que possam estar atrás, que o veículo está se movendo nesse sentido.

O circuito proposto é bastante simples e pode ser adaptado a qualquer carro sem problemas. Seu consumo é muito baixo, e o som produzido é alto, porém agradável.

 

Características:

Tensão de alimentação: 12 V

Consumo: 5 mA (tip.)

 

A base deste projeto é o circuito integrado “faz-tudo” 4093, que tem sido usado em grande quantidade de projetos que publicamos.

O 4093 é formado por 4 portas disparadoras NAND que podem ser usadas de modo independente. As duas primeiras portas (CI1a e Cl1b) são ligadas como osciladores.

A primeira (CI1a) opera em uma frequência muito baixa, da ordem de 0,5 Hz, de modo a gerar as intermitências do sinal sonoro. A segunda (CI1b) gera o tom de áudio.

Nos dois casos podemos modificar a frequência alterando R¡ e R2. Estes resistores, entretanto, não devem ser menores que 10 k ohms.

Os sinais dos dois osciladores são combinados nas outras duas portas (CI1c e CI1d) de modo a se obter um sinal intermitente em suas saídas.

Este sinal é então aplicado diretamente a um transdutor piezoelétrico de pequenas dimensões e bom rendimento.

Este tipo de transdutor pode ser facilmente fixado na parte traseira do carro, e é resistente ao tempo.

O circuito tem apenas dois pontos de conexão externa, o que facilita sua localização junto às próprias luzes de ré, que são acesas quando esta marcha é colocada.

Na figura 1 temos o diagrama completo do aparelho.

 

Figura 1 – Diagrama completo do aparelho
Figura 1 – Diagrama completo do aparelho

 

Na figura 2 temos a disposição dos componentes numa pequena placa de circuito impresso.

 

Figura 2 – Placa para a montagem
Figura 2 – Placa para a montagem

 

O buzzer BZ é do tipo piezoelétrico ou uma cápsula telefônica.

O fio de conexão ao buzzer pode ser longo, o que facilita seu posicionamento onde pode ser ouvido melhor.

Para provar o aparelho basta ligá-lo numa fonte de 6 a 12 v. O aparelho deve emitir um som intermitente.

Altere R1 ou R2 se quiser modificar o som.

Depois e só instalar: o ponto A é ligado ao fio que alimenta as luzes de ré, que são acionadas somente quando a marcha é colocada (não e o fio das lanternas traseiras!). O ponto B é ligado a qualquer ponto do chassi.

Com a instalação o funcionamento será automático!

 

Se precisar de componentes originais e com o envio imediato, acesse mouser.com
.

Semicondutores:

Cl1 - 40933 - Circuito Integrado CMOS

D1 - 1 N4002 ou equivalente - diodo de silício

 

Resistores (1/8 W, 5%):

R1 - 1,5 M ohms

R2 - 47 k ohms

 

Capacitores:

C1 - 47 uF - eletrolítico de 16 V

C2 - 470 nF - poliéster ou cerâmico

C3 - 47 nF - poliéster ou cerâmico

 

Diversos:

BZ - Buzzer piezoelétrico

Placa de circuito Impresso, soquete para o circuito integrado, caixa para montagem, fios, solda, etc.

 

 


Localizador de Datasheets


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Opinião

Mudanças realizadas (OP206)

Nas últimas semanas nosso site e mesmo nossa empresa passaram por diversas modificações, atualizações e lançamentos. Assim, muitos podem ter percebidos alguns problemas de instabilidade do site em certos momentos nas semanas passadas.

Leia mais...