Efeito de Chama (CIR958)

Este interessante circuito saiu numa revista italiana chamada Elettronica 2000 de setembro de 1987. O circuito faz com que uma lâmpada incandescente "bruxuleie" dando assim um efeito de luz de vela ou chama. O circuito só funciona com lâmpadas incandescentes e é ainda bastante atual pelos componentes que utiliza. No original o circuito é alimentado por 220 V, mas pode ser alterado para 110 V com a troca do transformador e da lâmpada. O SCR pode ser o TIC106 B ou D.

 

Diagrama do Efeito de Chama
Diagrama do Efeito de Chama

 

 

R1 = 680 ?

R2 = 100 ? 2 W

R3 = 6,8 k ?

R4 = 1 k ?

R5 = 10 k ?

R6,R7 = 1 M?

R8 = 1 M? trimmer

C1 = 1.000 µF 16 VL

C2 = 100 nF 630 VL

C3 = 22 nF

C4 = 10 pF

C5 = 1 µF 16 VL

D1, D2 = 1N4002

D3 = 1N4007

LD1 = Lede Vermelho

SCR1 = 600 V 2 A

U1 = 4006

U2 = 4013

U3 = 4070

TF1 = 220 V / 2 X 6 V 3 VA

F1 = 0,5 A

 


Opinião

O que vem pela frente (OP210)

Uma das características do Instituto Newton C. Braga é a manutenção do ritmo de suas realizações, independentemente do que se passa no nosso mundo. Não foi a pandemia, nem crises de qualquer tipo que alteraram nosso ritmo de trabalho.

Leia mais...

Localizador de Datasheets e Componentes


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)