Oscilador Ultrassônico - NE0008

O circuito mostrado na figura 1 gera um sinal de aproximadamente 50 kHz, mas cuja freqüência pode ser tanto ajustada por R3 como também modificada numa faixa mais ampla através da troca de C2. O circuito está projetado para excitar uma carga indutiva de baixa impedância, por exemplo, um tweeter piezoelétrico de 4 a 16 ohms ou mesmo uma cápsula magnética ou bobina para aplicação ou injeção de sinais.
Para Q1 pode ser utilizado um BD136 ou outro PNP de média potência com uma corrente de coletor de pelo menos 500 mA. O circuito integrado é CMOS admitindo, portanto alimentações na faixa de 5 a 12 V tipicamente.
O sinal obtido na saída do circuito integrado CMOS para R1 é retangular,, mas na carga indutiva temos um sinal triangular. Este sinal pode ser observado na figura 2.


Figura 1 - Circuito do oscilador ultrassônico como aparece simulado no Multisim.


Figura 2 – Forma de onda observada na simulação com o Multisim. Este é o sinal visualizado na carga indutiva.

O circuito simulado e a Netlist podem ser obtido clicando-se nos ícones abaixo. Os leitores que possuem o Multisim podem alterar os componente para que o circuito gere freqüências diferentes. O valor de C1, no caso, pode ficar entre 100 pF e 100 uF.

 

Para baixar os circuitos simulados par ao Multisim clique aqui.

 


Localizador de Datasheets


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Opinião

Chegou 2021 (OP028)

Sim, 2021 chegou e com ele o futuro. As coisas não mais serão como antes e durante todo o ano da pandemia estivemos nos preparando para isso. Analisando as tendências do futuro, o que abordamos em interessante artigo que se encontra no site assim como teremos a versão em vídeo, percebemos que o mundo da tecnologia talvez seja um dos mais afetados pelas mudanças.

Leia mais...