Amplificador com o LM386 (MIN387)

Uma solução bastante atraente ainda em nossos dias para um amplificador de baixa potência simples com circuito integrado único é a que faz uso do Lm386 da National Semiconductor.

Além do baixo custo, possibilidade de operar com tensões de 4 V a 12 V, este CI tem o ganho programado por um componente externo, podendo ficar entre 20 e 200.

A faixa de potências de saída vai de 200 mW a 700 mW com cargas de 8 Ω e a corrente quiescente com 5 V de alimentação é de apenas 4 mA.

Aplicações para esse amplificador incluem sistemas de aviso, alarmes, intercomunicadores, saídas de receptores, sistemas de som de computadores, drivers ultrassônicos, controle de servos, etc.

Na figura 1 temos o circuito para a aplicação com ganho 20 de tensão.

 


 

 

Para obter um ganho de tensão de 200 vezes basta ligar entre os pinos 1 e 8 um capacitor eletrolítico de 10 µF com a armadura positiva no pino 1.

A placa de circuito impresso para esse amplificador é mostrada na figura 2.

 


 

 

Não há necessidade de dissipador de calor para o circuito integrado e, se for usada fonte, deve ter excelente filtragem para que não ocorram roncos.

 

Semicondutores:

CI-1 – Lm386 (–N, -1 ou -3) – circuito integrado

 

Resistores: (1/8 W, 5%)

R1 – 10 Ω

P1 – 10 k Ω – controle de volume, potenciômetro, opcional

 

Capacitores:

C1 – 47 nF – cerâmico

C2 - 220 µF x 12 V – eletrolítico

 

Diversos:

FTE – 8 Ω x 10 cm – alto-falante

Placa de circuito impresso, fonte de alimentação, fios, solda, etc.

 


Opinião

Novos tempos (OP213)

O mundo mudou. Depois da pandemia e também da guerra na Ucrânia o mundo será outro. Estamos presenciando e percebendo isso. Já não somos mais os mesmos.

Leia mais...

Localizador de Datasheets e Componentes


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Podcast INCB Tecnologia