STM32 - Microcontrolador ARM Baseado em Cortex-M3 de 32 Bits - ST (COM015)

A STMicroelectronics lançou uma nova família de microcontroladores ARM flash de 32 bits baseado em Cortex-M3 especialmente indicada para aplicações portáteis como monitores de colesterol e glicose onde baixo consumo é importante.

Outras aplicações incluem equipamentos para o lar e escritórios, PLCs industriais segurança, sistema HVAC, leitores de cartões e biométricos.

O cerne ARM Cortex-M3 é especialmente projetado para aplicações de alta performance, baixo consumo e baixo custo. A nova família é formada por duas linhas:

 

* STM32F103 - performance line - com 72 MHz de clock, fornecendo a melhor performance de MCUs de 32 bits em sua classe.

* STM32F101 - Access line - com 36 MHz de clock, oferecendo aos usuários de 16 bits um aumento significativo de performance no mesmo preço dos dispositivos de 16 bits.

 

As duas linhas oferecem de 32 a 128 k de memória flash mas diferem no tamanho da SRAM e combinações de periféricos on-chip.

O cerne Cortex-M3 foi especificamente desenvolvido para atender às exigências aplicações de baixo custo de uma ampla gama de mercados e aplicações, onde ao tamanho da memória e do processador têm um grande impacto nos custos do dispositivo.

O STM32 opera com tensões de 2,0 a 3,6 V e tem um consumo que chega a um valor tão baixo como 2 uA no modo standby. Na figura 1 temos os consumos nos diversos modos de operação.

 

O consumo x modo de operação.
O consumo x modo de operação.

 

O MCU também inclui um RTC integrado com um oscilador dedicado de 32 kHz e um pino dedicado para operação com bateria e quatro modos de potência, conforme mostramos na figura 1.

Operando em 72 MHz, executando da memória Flash, o microcontrolador STM32 consome apenas 36mA.

Outro destaque importante é que a família STM32 oferece um processamento 32% mais rápido que os produtos equivalentes baseados em ARM7TDMI. Similarmente, o novo set de instruções Thumb 2 do novo core, possibilita aos projetistas reduzir o tamanho do código em até 45%, o que reduz a necessidade de memória para a aplicação visada.

Uma vasta documentação de aplicações para essa família de microcontroladores está disponível no site da STMicroelectronics. Como exemplo, mostramos na figura 2 como usar os pinos I/O para excitar periféricos como LEDs de uma maneira muito simples.

 

Excitando LEDs diretamente dos pinos.
Excitando LEDs diretamente dos pinos.

 

Na figura 3 temos um outro circuito que mostra como usar os pinos SWJ-DP como I/O para controlar LEDs.

 

Controlando LEDs através da PB9 (I/O).
Controlando LEDs através da PB9 (I/O).

 

Os seguintes periféricos estão disponíveis on-chip.

 

* Até 128 kB de memória flash

* Até 20 kB de RAM

* Quatro canai DMA

* Até dois ADCs de 12 bits com 1 us de tempo de conversão

* Até dois SPIs master/slave

* Até dois I2C

* Até três USART

* Até três timers de 16 bits

* Um timer 6-PWM dedicado

* USB

* CAN

* Supervisor de tensão

* Oscilador RC preciso de 8 MHz

* Oscilador de 4-16 MHz para cristal externo

* Dois watchdogs

* Power-on reset

* Power-down reset

 

Os MCUs dessa família podem ser obtidos em diversos tipos de invólucros como LQFP48, LQFP64, LQFP100 e BGA100.

A STMicroelectronics tem ainda a disposição placas de avaliação e starter KITs para o desenvolvedor além de uma biblioteca grátis de software. A faixa de preços dos kits varia entre 109 e 239 dólares.

O starter kit Hitex, por exemplo (código STM3210B-SK/HIT) pode ser encontrado nos distribuidores da ST, possibilitando o desenvolvimento de uma ampla gama de produtos baseados nos microcontroladores da família STM32.

Também fornecem kits a IAR (STM3210B-SK/IAR), a Keil (STM3210B-SK/KEIL) e a Raisonance REva (STM3210B-SK/RAIS).

Todos esses kits contém os recursos necessários para os projetistas avaliarem o produto e desenvolverem seus projetos utilizando interface amigável e exemplos de código fornecidos pelo fabricante.

 

Documentação da ST de abril de 2008 (DataSheet)

 

Contato para informações sobre este componente, clique aqui


Opinião

Olhando para o futuro

Já estamos aprendendo a viver com a pandemia e nos preparando para os tempos em que tudo voltará ao normal, mas não o normal a que estávamos acostumados. Um novo normal, com novos hábitos, a tecnologia aplicada talvez de uma forma diferente, novas profissões e principalmente tecnologias específicas que antes não haviam sido pensadas.

Leia mais...

Localizador de Datasheets e Componentes


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Podcast INCB Tecnologia