NOSSAS REDES SOCIAIS -

Rádio AM Integrado 741 (ART1496)

Rádios experimentais são sempre projetos interessantes, principalmente quando utilizados com finalidades didáticas. O circuito apresentado tem excelente ganho pelo uso de um amplificador operacional 741 e sensibilidade suficiente para captar as estações de ondas médias (enquanto o sistema ainda estiver em uso). Alimentado por uma bateria de 9 V ele oferece excelente volume a um alto-falante pequeno.

O amplificador operacional 741 tem características que permitem seu uso como um excelente amplificador de sinais de áudio.

No entanto, sua potência é baixa não permitindo uma boa excitação de um alto-falante.

Assim, nesse projeto o que fazemos é acrescentar a um amplificador operacional uma etapa com transistores que fornecerá bom volume e excelente qualidade de som a um pequeno alto-falante.

Com uma pequena antena o receptor poderá captar as estações de ondas médias locais e com uma antena externa até mesmo estações distantes, principalmente à noite quando a propagação é mais favorável.

 

Como Funciona

Os sinais captados pela antena são levados ao circuito de sintonia, formado por L1 e CV.

No capacitor CV selecionamos a estação que deve ser captada, cujos sinais passam ao diodo D1 onde são detectados.

No processo, a componente de áudio, ou seja a modulação é separada e levada à entrada do amplificador operacional 741.

O ganho do circuito é controlado em P1 e em P2 ajustamos a simetria do sinal para que ele não distorça.

O sinal de saída é então levado a uma etapa de saída com transistores complementares que alimenta um pequeno alto-falante com uma potência da ordem de algumas centenas de miliwatts.

O circuito é alimentado por uma bateria de 9 V, mas pode ser usada uma pequena fonte de alimentação de 9 a 12 V com pelo menos 200 mA.

 

Montagem

Na figura 1 temos o diagrama completo do receptor.

 

   Figura 1 – Diagrama completo do receptor
Figura 1 – Diagrama completo do receptor

 

Como se trata de projeto didático, a montagem pode ser feita com base numa matriz de contatos, conforme mostra a figura 2.

 

Figura 2 – Montagem em matriz de contatos
Figura 2 – Montagem em matriz de contatos

 

Nessa montagem, os comprimentos dos fios dos componentes devem ser mantidos os mais curtos possíveis para que não ocorram oscilações ou instabilidades de funcionamento.

Na figura 3 temos uma placa de circuito impresso para uma montagem definitiva.

 

    Figura 3 – Montagem em placa de circuito impresso
Figura 3 – Montagem em placa de circuito impresso

 

Para a faixa de ondas médias, a bobina consta de 30 + 70 espiras de fio 28 ou 30 num bastão de ferrite de 10 a 15 cm de comprimento de 0,8 a 1,2 cm de diâmetro. A tomada é feita na 30ª espira do lado do terra.

O capacitor variável pode ser obtido de rádios AM fora de uso e o diodo D1, para maior sensibilidade de germânio.

Na figura 4 mostramos como fazer a conexão num capacitor variável obtido de um rádio valvulado antigo e num capacitor duplo de um rádio AM transistorizado.

 

Figura 4 – Conexão do capacitor
Figura 4 – Conexão do capacitor

 

A conexão à terra é importante para maior sensibilidade e a antena é um pedaço de fio de 1,5 a 10 metros de comprimento.

Para a alimentação podem ser usadas 6 pilhas pequenas, caso em que usaremos um suporte de 2 e um suporte de 4 ligados em série, conforme mostra a figura 5.

 

 Figura 5 – Usando dois suporte de pilhas
Figura 5 – Usando dois suporte de pilhas

 

Na montagem é importante observar a posição dos transistores, polaridade dos diodos e da fonte de alimentação (pilhas).

 

Prova e Uso

Basta ligar o aparelho e procurar sintonizar uma estação local controlando a melhor qualidade de som e volume nos potenciômetros.

Comprovado o funcionamento você também pode fazer experiências com ondas curtas usando uma bobina de 10 + 20 espiras do mesmo fio no mesmo bastão.

 

CI-1 – 741 – Circuito integrado, amplificador operacional

Q1 – BC548 – transistor NPN de uso geral

Q2 – BC558 – transistor PNP de uso geral

D1 – 1N34 ou equivalente – diodo de germânio

D2 – 1N4148 - diodo de silício de uso geral

FTE – alto falante pequeno de 4 ou 8 Ω

S1 – Interruptor simples

B1 – 9 V – 6 pilhas pequenas

L1 – Bobina – ver texto

CV – capacitor variável – ver texto

P1 – 2M2 – potenciômetro

P2 – 47k – potenciômetro

C1 – 100 nF – capacitor cerâmico

C2 – 1 nF – capacitor cerâmico

C3 – 220 µF x 12 V – capacitor eletrolítico

C4 - 100 µF x 12 V – capacitor eletrolítico

R1 – 22k x 1/8 W- resistor – vermelho, vermelho, laranja

R2 – 2k2 x 1/8 W – resistor – vermelho, vermelho, vermelho

R3 – e R4 – 10 k Ω x 1/8 W – resistores – marrom, preto, laranja

Diversos:

Placa de circuito impresso ou matriz de contatos, suporte para 2 e 4 pilhas, bastão de ferrite, fio esmaltado, fios, solda, etc.

 

 

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

Em busca de novos tempos

Em nossos últimos artigos, participações em lives, podcasts e vídeos temos ressaltado que estamos rapidamente caminhando para uma mudança de hábitos. São os novos tempos que estão chegando e que, em vista da pandemia estamos buscando para que sejam melhores e que nos tragam esperanças, paz e novos graus de compreensão, principalmente em nível mundial.

Leia mais...

Alavanca
Dai-me um lugar firme onde fincar o pé, e eu moverei a terra.
Arquimedes (287 211 a.C.) Numa Alavanca - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)