NOSSAS REDES SOCIAIS -

Sintonizador de VHF e FM (TEL135)

Descrevemos a montagem de um sensível sintonizador para as faixas de VHF e FM que pode captar estações num raio de até 200 km dependendo das condições geográficas e de propagação. O circuito é ligado à entrada de qualquer pequeno amplificador de áudio.

Com este pequeno sintonizador você pode captar as estações de FM locais, ouvindo-as em qualquer amplificador de áudio e as comunicações entre aeronaves e a torre, mesmo morando longe de aeroportos.

O circuito é muito sensível e também comunicações de serviços públicos que usem a faixa de VHF podem ser captadas.

A alimentação é feita com 4 pilhas e o consumo muito baixo.

A base do circuito é um detector super-regenerativo com u único transistor que tem a configuração básica mostrada na figura 1.

 

   Figura 1 – O detector super-regenerativo
Figura 1 – O detector super-regenerativo

 

A bobina e o capacitor variável determina a frequência do sinal recebido e o potenciômetro ajusta a regeneração, para o ponto em que se obtém a maior sensibilidade.

Observe que existem restrições quanto ao uso do aparelho na captação da faixa de VHF, sendo proibida sua utilização nas imediações de aeroportos.

Conforme mostra a figura 2, os sinais da faixa de VHF se propagam em linha reta, não ultrapassando obstáculos grandes como morros e montanhas.

 

   Figura 2 – A propagação do sinais de VHF
Figura 2 – A propagação do sinais de VHF

 

Assim, dependendo do local em que estiver o receptor, pode-se captar a aeronave conversando com a torre, mas não se pode ouvir a torre,

Também é importante observar que as comunicações nesta faixa são de curta duração, exigindo um pouco de paciência do leitor, para encontrar a frequência certa em que ocorrem.

Na figura 3 temos então o diagrama completo do sintonizador.

 

   Figura 3 – Diagrama do sintonizador
Figura 3 – Diagrama do sintonizador

 

Uma montagem simples pode ser “pendurada” numa ponte de terminais conforme mostra a figura 4.

 

     Figura 4 – Montagem em ponte de terminais
Figura 4 – Montagem em ponte de terminais

 

Veja que nesta montagem é muito importante manter os terminais dos componentes curtos para que não ocorram instabilidades.

A conexão ao variável também deve ser bem curta, e este componente pode ser aproveitado de um rádio FM fora de uso.

Melhor, entretanto, é fazer a montagem numa pequena placa de circuito impresso, conforme mostra a figura 5.

 

   Figura 5 – Montagem em placa de circuito impresso
Figura 5 – Montagem em placa de circuito impresso

 

Nesta placa mostramos um trimmer de porcelana para a sintonia, mas pode ser usado um trimmer redondo comum, ou ainda, com mais facilidade de uso, um capacitor variável como na montagem em ponte.

A bobina depende da faixa de frequências sintonizada, sendo enrolada com fio esmaltado 26 ou 28 em forma de 1 cm de diâmetro sem núcleo, ou ainda fio telefônico rígido comum.

Temos então as seguintes possibilidades:

2 ou 3 espiras – VHF de 100 a 150 MHz

4 espiras – FM de 88 a 108 MHz

5 ou 6 espiras – VHF baixa de 50 a 88 MHz

Na montagem, observe a posição do transistor e a polaridade dos capacitores eletrolíticos.

Os resistores são de 1/8 W com qualquer tolerância e os eletrolíticos para 6 V ou mais de tensão de trabalho.

Os capacitores menores devem ser cerâmicos e CV do tipo de baixa capacitância usado em rádios FM.

XRF pode ser enrolado num resistor, conforme mostra a figura 6.

 

   Figura 6 – Detalhes de XRF
Figura 6 – Detalhes de XRF

 

O resistor é de 100k a 1M com ½ W de dissipação e o fio pode ser bem fino 32 ou 34 AEG, sendo enroladas de 30 a 50 espiras.

A antena pode ser do tipo telescópico de 60 a 120 cm.

Não use antena maior, pois ela instabiliza o circuito, dificultando a sintonia.

Para a entrada do amplificador, utilize um fio blindado.

 

Q1 – BF494 – transistor NPN de RF

L1 – Bobina – ver texto

CV – capacitor variável – ver texto

C1 -10 nF – capacitor cerâmico

C4 – 4p7 F – capacitor cerâmico

C3 – 2n2 F – capacitor cerâmico

C4 – 100 µF – 10 nF – capacitor cerâmico

C5 – 100 nF – capacitor cerâmico ou poliéster

C6, C7 – 1u µF – capacitor eletrolítico

R1 – 100 kΩ – resistor – marrom, preto, amarelo

R2 – 10 kΩ - resistor – marrom, preto, laranja

R3 – 3k3 Ω – resistor – laranja, laranja, vermelho

R4 – 1 kΩ – resistor – marrom, preto, vermelho

P1 – 47 kΩ - trimpot

S1 – Interruptor simples

B1 – 6 V – 4 pilhas pequenas

A – antena – ver texto

Diversos:

Ponte de terminais, suporte de pilhas, caixa para montagem, fio blindado com plugue, fios, solda, etc.

 

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

Em busca de novos tempos

Em nossos últimos artigos, participações em lives, podcasts e vídeos temos ressaltado que estamos rapidamente caminhando para uma mudança de hábitos. São os novos tempos que estão chegando e que, em vista da pandemia estamos buscando para que sejam melhores e que nos tragam esperanças, paz e novos graus de compreensão, principalmente em nível mundial.

Leia mais...

Humor
De uma certa maneira, o humor é um fenômeno burguês, embora o autêntico burguês seja incapaz de compreendê-lo.
Marisa Raja Gabaglia O Pirot Brasileiro - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)