Reostato (ALM396)

Um reostato nada mais é do que um resistor variável ou ajustável ligado em série com o motor.

Quando o reostato está na sua posição de mínima resistência ou zero, passa livremente e sua intensidade através do motor é máxima.

Quando aumentamos a resistência do reostato, ele forma com o motor um divisor de tensão.

Usamos o reostato para controlar a potência aplicada a uma carga como, por exemplo, a velocidade ou torque de um motor ou ainda o brilho de uma lâmpada incandescente, conforme mostra a figura 1.

 


 

 

No caso de um motor, quando sua resistência aumenta, diminui a tensão aplicada ao motor é menor e com isso também a corrente. Com a diminuição da corrente no motor, diminui velocidade, conforme mostra a figura 2.

 


 

 

Os reostatos, entretanto, tem uma séria limitação de uso: como a corrente que passa através dele é a corrente do motor, eles devem ser capazes de controlar correntes relativamente intensas e mais do que isso: devem ser capazes de dissipar uma boa quantidade de calor.

Tanto maior a potência do motor controlado, maior deve ser a capacidade de dissipação do reostato. Isso torna inviável o uso desses dispositivos com motores (ou outras cargas) de alta potência, tanto pelo custo como pelo tamanho.

Assim, conforme mostra a figura 3, na condição em que o reostato está na posição em que a tensão aplicada ao motor é metade da tensão de alimentação, ele dissipa tanta potência quanto o próprio motor!

 


 

 

Tudo isso significa que, mesmo controlando motores de pequena potência, precisamos usar reostatos de boa dissipação ou capacidade de corrente. Reostatos nada mais são do que potenciômetros com apenas dois terminais usados e nas aplicações práticas podemos usar potenciômetros de fio com boa dissipação.

Assim, na figura 4 mostramos como é possível usar um potenciômetro de fio de 50 Ω x 5 W para controlar um pequeno motor de corrente contínua que não exija mais do que uns 100 mA.

 


 

 

Para potências maiores, o uso do reostato da forma indicada não é recomendável.

 

Temas Abordados:

* Controle linear de velocidade

* Controle de potência

 

Ver Também:

* Potenciômetros

* PWM

* Controle de potência

 

 


Opinião

Novos tempos (OP213)

O mundo mudou. Depois da pandemia e também da guerra na Ucrânia o mundo será outro. Estamos presenciando e percebendo isso. Já não somos mais os mesmos.

Leia mais...

Localizador de Datasheets e Componentes


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Podcast INCB Tecnologia