Receptor a Cristal de 1926 (CIR3030)

Este circuito foi encontrado numa publicação alemã de 1926. Trata-se de um receptor de cristal ou galena (D). O cristal (D) pode ser substituído por um diodo de germânio. O fone deve ser magnético, ou se for de cristal deve ter um resistor de 22 k em paralelo. L1 é formada por 10 espiras sobre L2, e L2 por 65 espiras de fio de 0,5 mm (pode ser o 28) num tubo de papelão de 8 cm de comprimento e 1 polegada de diâmetro. C2 era especificado na época em centímetros (!), mas um capacitor de 1 nF cerâmico serve. Da mesma forma, C1 pode ser um variável de rádio transistorizado antigo. A antena deve ser longa. Na figura a página em alemão da publicação original.

 

Receptor a Cristal de 1926
Receptor a Cristal de 1926

 

 


Opinião

Eventos e muito mais (OP212)

Nosso grande destaque deste mês é o nossa Jornada do Desenvolvimento, que ocorrerá em três etapas sendo a primeira a que foi realizada entre 9 e 13 de agosto. Ela foi uma preparação para as demais que devem ocorrer em setembro e outubro, com oficinas de desenvolvimento com o Edukit SigFox e a Franzininho, numa jornada com os próprios criadores.

Leia mais...

Localizador de Datasheets e Componentes


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Podcast INCB Tecnologia