Supressores de ESD WE-VE femtoF (COMD023)

Temos sempre ressaltado em nossos artigos, vídeos e livros a importância que a supressão correta da ESD representa para um projeto com componentes modernos. Neste artigo, destacamos a linha WE-VE fento de supressores da Wurth Elektronik que pode ser adquirida através da Mouser Electronics . Com base nas informações do fabricante preparamos este artigo.

Caracteristicas importantes exigidas para um supressor de transientes, principalmente quando deve operar com linhas de dados de alta velocidade são a baixa capacitância e a baixa fuga. Encontramos essas características na linha WE-VE femtoF da Wurth.

 

Figura 1 – Supressores ESD WE-VE femntoF
Figura 1 – Supressores ESD WE-VE femntoF

 

A capacitância em série associada é de apenas 0,05 pF e a corrente de fuga é praticamente nula o que os torna invisíveis numa linha de dados.

Os supressores têm uma excelente capacidade de absorção de transientes o que garante que os sinais não sejam perturbados. Assim, especificamente esta série é indicada para linhas de dados, barramentos e semicondutores.

O tempo de resposta é pequeno, e não há praticamente consumo de energia no modo standby. A faixa de temperaturas de operação vai de -40 a +85º C.

A tensão de descarga de contato é de 8 kV e no ar de 15 kV. A Wurth possui na sua linha de produtos séries associadas que podem ser consultadas através do link da Mouser.

 

 

 


Localizador de Datasheets


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Opinião

Entrando em dezembro (OP207)

Estamos nos aproximando do último mês desse ano de pandemia (2020), com esperanças para que a vacina chegue logo e possamos voltar à normalidade. Há muito a ser feito a partir de agora e, como temos informados aqueles que nos seguem, nunca paramos. De fato, nosso trabalho tem sido contínuo, com a produção constante de material para o nosso site, lives, livros, vídeos, podcasts e muito mais. Na verdade, a única mudança que tivemos em nossas atividades foi a suspensão dos eventos presenciais. Esperamos que no próximo ano eles voltem, talvez com algumas modificações, mas que possamos estar juntos daqueles que nos acompanham.

Leia mais...